quinta-feira, 27 de Novembro de 2014

Toy Defense 4: Sci-Fi

São vários os jogos da série Toy Defense que já passaram por aqui pelo appsdoiphone, e se o género tower defense vos interessa tanto como a mim, então apressem-se a passar pela App Store que o mais recente Toy Defense 4: Sci-Fi da Melesta, está temporariamente gratuito.


Desta vez transformamos o quarto de brincar numa autêntica batalha no espaço, onde teremos que defender o universo do ataque impiedoso dos robots. Como comandante supremo, controlaremos a disposição das nossas defesas, torres, minas, e também o nosso próprio batalhão de robots, para combater o ataque de todo o tipo de tanques, naves espaciais, etc.


São 72 missões para explorar, e até um modo de torneio online, acompanhados de uma banda sonora Sci-Fi espectacular, onde não podia faltar o upgrade individual das torres, acesso a poderes especiais durante os combates (o poder de esmagar inimigos com o dedo, lançar um exército de robots no terreno, etc).

Aproveitem para agarrar o jogo enquanto está grátis na App Store, e vejam aqui em baixo o vídeo de apresentação deste Toy Defense 4: Sci-Fi, para abrir o apetite. O jogo é universal, compatível com iPhone e iPad, e conta com compras in-app.


Toy Defense 4: Sci-Fi na App Store (Brasil)

Toy Defense 4: Sci-Fi na App Store (Portugal)

Tamanho: 139 MB



quarta-feira, 26 de Novembro de 2014

ANNO: Build an Empire

Fui sempre um grande fã do jogo The Settlers, e é com um grande sorriso que descobri que o ANNO: Build an Empire da Ubisoft, chegou ao iPhone e ao iPad, e ainda por cima completamente grátis (é um jogo freemium, vá).


Este é um jogo para quem sente a necessidade de construir um grande Império, e gerir toda uma cidade e os seus cidadãos, com os seus edifícios e serviços, todos a funcionar em uníssono, para se evoluir ao máximo.

Começamos por chegar de barco a uma ilha desabitada, e teremos que construir uma colónia, partindo das coisas mais básicas, como ter um pescador para alimentar os colonos, um lenhador para coleccionar matéria prima para construir mais casas, virando de seguida para a agricultura para se fazer pão, criar cabras para se obter leite, e por aí fora.

Num instante nos vemos a mãos com cerca de 150 edifícios diferentes para construir, e mais de 60 recursos para gerir eficazmente, e garantir que os nossos colonos estão satisfeitos. Há que ter uma estratégia e uma capacidade de gestão impecável para não ir à falência, nem deixar que o povo fique insatisfeito por não ter acesso aos recursos que necessitam.


Se formos eficientes, depressa estaremos a construir uma frota de barcos para descobrir novas ilhas, e aumentar ainda mais o nosso poderoso Império. É de notar que cada ilha é diferente, assim como os seus recursos, que são específicos a cada uma delas.

O meu medo eram os controlos, que me chateiam um pouco na versão do jogo para o Browser, mas posso dizer que são uma maravilha, construir estradas, mover edifícios, zoom in, zoom out, arrastar o mapa com o dedo, etc, etc, estão muito bem implementados, e torna toda a experiência uma maravilha.

Com o avançar do jogo, poderemos fazer alianças com amigos, e dessa forma passar a trocar recursos entre uns e outros, e comparar ilhas, para ver quem é mais eficaz na disposição de edifícios e estradas, ou mesmo qual a mais bonita e avançada.


O jogo é gratuito, pode ser jogado num iPhone ou num iPad (alternando facilmente entre eles, bastando fazer login com a nossa conta), e conta com compras in-app para os mais impacientes e ávidos de poder fácil. No entanto dá perfeitamente para jogar várias vezes ao dia sem ser necessário pensar sequer em gastar qualquer dinheiro, de todo.

O seu download é pequeno, mas atenção que ao iniciar o jogo pela primeira vez, este faz alguns downloads de conteúdos extra. Vejam aqui em baixo o vídeo de apresentação do jogo, e arranquem já com o vosso Império, não percam mais tempo!


ANNO: Build an Empire na App Store (Brasil)

ANNO: Build an Empire na App Store (Portugal)

Tamanho: 72.8 MB



terça-feira, 25 de Novembro de 2014

2048 in Widget!

O jogo 2048 é bem conhecido por essa internet fora, e só para iPhone existem centenas de clones, todos baseados no espectacular Threes!, que já dei a conhecer aqui antes. Acabou de se estrear na App Store este 2048 in Widget! de Minghui Li, que é mais uma curiosidade que outra coisa, porque traz consigo um widget que nos permite jogar este jogo directamente na central de notificações.


Este é um quebra cabeças bem interessante, que pode ser jogado em poucos minutos, ou se formos mesmo bons, perder umas horas a tentar obter a pontuação máxima (2048 é uma boa meta, por exemplo).

A ideia é juntar números idênticos, arrastando-os a todos numa das 4 direcções possíveis, fazendo-os cair uns sobre os outros. Os números iguais ao serem combinados duplicam o seu valor, e por aí fora, tendo apenas o cuidado de não deixar encher o ecrã inteiro, senão acaba-se o jogo.

No jogo controlamos o movimento das peças no ecrã, deslizando com o dedo na direcção pretendida. No widget, como não são permitidos gestos, temos 4 setas presentes no ecrã para mover as peças na direcção desejada.

Para quem tem o iPhone bloqueado e pretende fazer um jogo rápido, isto tem alguma piada, especialmente se têm o hábito de passar o iPhone para a mão de outras pessoas, mas não o querem desbloquear, nem revelar a sua password.

Há que ter cuidado apenas, que o jogo no widget reinicia sempre que fechamos a central de notificações. Para os fãs de puzzles e quebra cabeças, têm aqui uma bela curiosidade para mostrar e desafiar os vossos amigos.


2048 in Widget! na App Store (Brasil)

2048 in Widget! na App Store (Portugal)

Tamanho: 0.4 MB

Space Expedition: Classic Adventure

Um jogo de plataformas, uma aventura no espaço, com puzzles para resolver, e um ambiente Sci-Fi oldschool bem assustador, que mais podemos pedir? Estou a falar do jogo Space Expedition: Classic Adventure da Mobirate Studio Ltd., um exemplo de como deveriam ser todos os jogos de plataformas para iPhone.


Nesta aventura vestimos o fato espacial de um pequeno austronauta que tem de descobrir o que aconteceu numa estação espacial abandonada (isso é o que ainda vamos ver!). Isto de andar a passear por estações espaciais abandonadas, a ouvir barulhos estranhos em todos os cantos, transporta-me de imediato para o Alien, e por isso recomendo desde já o uso de auriculares, que vale bem a pena.


É um jogo de plataformas, por isso contem que no primeiro capítulo nos sejam explicados os controlos, e aquilo que podemos fazer com o nosso pequeno astronauta. Dois botões do lado esquerdo para mover o nosso herói para os lados, e dois botões do lado direito (A e B), para saltar, executar acções, activar elevadores e plataformas móveis, portais, armas, etc.

A partir daqui partimos para a exploração profunda da estação espacial, saltando sobre obstáculos e buracos, evitando alguns perigos como portas de segurança avariadas que estão constantemente a abrir e fechar, problemas eléctricos que nos aparecem à frente e nos dão cabo do penteado, e quem sabe até, alguns monstros (se é que eles existem).


Os puzzles não são muito complexos, e por vezes implica empurrar uns caixotes para conseguir chegar a um lugar mais alto, entre outras coisas mais engenhosas, para não virarmos comida de um qualquer alien pendurado no tecto.

Pelo caminho vamos encontrando cientistas mortos, que têm consigo uma gravação importante, e nos dão pistas do que poderá ter acontecido à estação espacial. Radiação, mutações, monstros, tudo é possível. O que é certo, é que se ouvem muitos barulhos estranhos, e por vezes, conseguimos ver por segundos algo a mover-se na escuridão.


É importante explorar bem o cenário, pois há paredes falsas que devemos perfurar para encontrar pedras preciosas escondidas (estas poderão ser precisas no final, pois existem dois caminhos diferentes, caso tenhamos recolhido todas as pedras, ou não).

O jogo conta com inúmeros checkpoints, que quando passamos por eles, é certo que vem aí algo que com toda a certeza vai causar a nossa morte. Usar uma metralhadora fixa, é uma daquelas surpresas que não se está à partida a contar num jogo de plataformas clássico, mas é uma delícia quando acontece, como se pode ver na imagem aqui em cima.


Os gráficos, altamente pixelizados, com cores 16 bit, são bem detalhados com muitos efeitos de luz, e dão um ambiente espectacular a esta aventura no espaço. Por vezes andamos em corredores completamente às escuras, vendo apenas o suficiente para dar mais um passo em frente, o que causa alguma ansiedade e medo (especialmente quando se ouvem as patinhas de bichos a caminharem por perto).

Os efeitos de som são de grande qualidade, ouvindo-se perfeitamente os sons de elevadores em movimento, plataformas pesadas a ranger, etc. A banda sonora envolve-nos por completo no ambiente Sci-Fi, e muda quando estamos prestes a entrar numa situação com alguma tensão.


Nos níveis finais contem com bastante acção, muita correria e tiros, porque se não é a lava a queimar os nossos pés, são aranhas gigantes a perseguir-nos. O jogo peca por ter poucos capítulos, e um qualquer veterano deste tipo de jogos é capaz de concluir o jogo no espaço de 1h. No entanto, se não encontrarmos todas as pedras preciosas, repetir o jogo (ou apenas alguns níveis) é algo que se faz com grande prazer, até para se poder ver uma espécie de final alternativo.

Espero que os criadores do jogo lançem mais níveis numa próxima actualização, que era bem merecido. Se o silêncio e terror do espaço vos atrai, e apreciam jogos de plataformas, este é um jogo que devem experimentar com toda a certeza. Podem encontrá-lo na App Store por 2€ e uns trocos, e podem ver aqui em baixo a trailer do jogo para abrir o apetite.


Space Expedition: Classic Adventure na App Store (Brasil)

Space Expedition: Classic Adventure na App Store (Portugal)

Tamanho: 59 MB



segunda-feira, 24 de Novembro de 2014

Music Center

A chegada dos widgets à central de notificações vieram facilitar a vida de muita gente, e hoje apresento-vos mais um bem interessante, o Music Center de Akhil Tolani, o widget ideal para todos os aficcionados que têm músicas guardadas no iPhone.



Este widget só tem interesse para quem tem músicas armazenadas na app de música do iPhone, pois dá-nos acesso directo às mesmas logo ali na central de notificações. Infelizmente, com as limitações do que se pode fazer num widget, não se pode fazer scroll pelas músicas arrastando o dedo, mas sim tocando nas setas que existem em cima e em baixo da lista.

As músicas podem aparecer em formato de lista, ou então com ícones grandes a mostrar a capa dos álbuns. Estas aparecem por ordem alfabética, e é possível aumentar a velocidade do scroll até 3x (eu tenho activado por defeito a 3x, pois tenho uma centena de músicas no meu iPhone).

Se tocarmos numa música em particular, esta começa de imediato a tocar, não sendo necessário desbloquear o iPhone para o fazer (nem sair da app onde estamos no momento, pois basta puxar a central de notificações), o que pode ser útil em várias situações, para além do rápido acesso às nossas músicas.

Espero que num próximo update seja possível escolher apenas uma playlist de músicas, para termos ali à mão na central de notificações apenas as nossas músicas favoritas, e não ser necessário andar a navegar por centenas de músicas até chegarmos àquela que nos apetece ouvir no momento. Este widget é gratuito, por isso se têm músicas guardadas no iPhone, experimentem-no à vontade, que é bastante interessante.


Music Center na App Store (Brasil)

Music Center na App Store (Portugal)

Tamanho: 11.8 MB

domingo, 23 de Novembro de 2014

Sooshi – All About Sushi

Para aprender a fazer sushi não há nada melhor que as espectaculares Teach Me Sushi e Teach Me Sushi Expert,  mas se passarem hoje pela App Store, vão encontrar gratuita esta Sooshi – All About Sushi de Moritz von Volkmann, uma belíssima app que vem carregada de informação sobre os diferentes tipos de sushi, e também como o cozinhar.



Dividida em 5 grande categorias, temos a secção de Sushi, uma secção de utensílios, uma que nos fala dos peixes, uma que nos conta quais os ingredientes usados, e há até uma secção que nos mostra quais os restaurantes japoneses e de sushi perto da nossa localização actual.

A secção de sushi para além de nos mostrar com belíssimas fotos, e nos contar usando informação bem detalhada os vários tipos de sushi que podemos encontrar nos restaurantes (Maki, Nigiri, Gunkanmaki), também nos ensina a fazer os rolinhos maravilhosos, como cozinhar o arroz (tem até um temporizador incluído para nos auxiliar na cozinha), preparar o peixe, etc.

Esta é uma app com um visual espectacular, e que vem carregada de informação para todos os fãs de sushi. Se são apreciadores, aproveitem para agarrar esta app já hoje enquanto está em promoção, que nunca é demais aprender mais um pouco sobre o que está por detrás desta grande cozinha japonesa.


Sooshi – All About Sushi na App Store (Brasil)

Sooshi – All About Sushi na App Store (Portugal)

Tamanho: 18.4 MB

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...