quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014

Textual description of firstImageUrl

Primal Flame

Adoro ser surpreendido com os jogos originais que lá vão aparecendo na App Store para iPhone e iPad. Desta vez é o belíssimo Primal Flame de Pierre Aclement, um jogo algo aterrador que nos coloca numa floresta negra cheia de perigos, e põe-nos um fósforo na mão para nos guiar no escuro e ajudar a defender da flora agressiva.


O conceito do jogo é genial, uma floresta escura, uma pequena chama no dedo para alumiar o caminho, e estamos lançados para uma noite bem aterradora. A música relaxante engana, pois esta floresta tem muito pouco de paz, e está sim carregada de perigos.


Começamos no escuro, e com o gesto bem conhecido de acender um fósforo no ecrã, ficamos com uma chama pendurada no nosso dedo, como se estivessemos de facto a segurar um fósforo, que nos mostra um pouco da floresta à nossa frente. Temos de manter o dedo no ecrã para manter a chama viva, e apanhar as pequenas sementes de luz que vão caíndo, para alimentar o fogo.

Se a chama se apaga, perdemos o jogo, e teremos de reiniciar a aventura. É portanto extremamente importante apanhar todas as sementes de luz que conseguirmos, e evitar ao máximo tocar nas folhas secas que caiem, pois estas fazem com que o fogo se extinga.


Mas os perigos desta floresta negra não se ficam pelas folhas secas, pois o maior problema são as flores, estas sim bem vivas, e super agressivas. Estas flores alimentam-se da luz, agarrando as sementes de luz que vão aparecendo, e até a nossa própria chama se não tivermos cuidado.

Nós podemos lutar contra elas, e devemos fazê-lo o mais rapidamente possível. Não adianta agitá-las e puxar por elas quando nos agarram pela chama, mas sim queimar o seu caule, evitando ao máximo passar perto das suas garras. E não há como evitar esta luta, pois se nada fizermos, as flores lá se alimentam de todas as sementes de luz que aparecem, e a escuridão da floresta acaba por tomar conta do ecrã, levando-nos a perder o jogo.


É muito importante apanharmos muitas sementes de luz, pois estas servirão como moeda de troca para adquirir novos poderes na loja virtual (não há quaisquer compras in-app neste jogo). Temos chamas mais potentes e luminosas para adquirir, temos feitiços, temos chamas magnéticas que atraem com mais força as sementes, etc.

À medida que vamos aguentando cada vez mais tempo sem que a nossa chama se extinga, vamos também subindo de nível, e com isto acabamos por desbloquear novos mundos. Lugares onde os perigos aumentam, como por exemplo no segundo mundo, onde as folhas secas são substituídas por gotas de água, que como é sabido, não jogam muito bem com o fogo.

Este é no fundo um belo jogo de dança com o fogo, onde os nossos reflexos serão imperativos para nos aguentarmos o máximo de tempo que conseguirmos sem que a chama se apague. O jogo é uma delícia de jogar tanto num iPhone como num iPad, e é uma lufada de ar fresco perceber que ainda se fazem jogos bem divertidos e originais para iOS.


Primal Flame na App Store (Brasil)

Primal Flame na App Store (Portugal)

Tamanho: 42.8 MB



Sem comentários :

Publicar um comentário